Censo 2015 revela otimismo da construção civil

Sexta-Feira, 20 de novembro de 2015

Aumento no número de lançamentos demonstra confiança do setor na retomada da economia e do crescimento dos negócios
O aumento no número de lançamento, em 4%, revela que o setor da construção está otimista e acredita na melhoria da economia para 2016. Os dados estão no Censo Imobiliário Bento Gonçalves 2015, realizado pela Ascon Vinhedos no período de agosto de 2014 a julho de 2015 em relação ao mesmo período do ano anterior, e foram apresentados aos associados na noite desta quinta-feira, 19 de novembro. O difícil momento em que vive o país também mostra um pequeno acréscimo no estoque dos imóveis passando de 1191 de 2014 para 1266 unidades e redução no número de unidades vendidas, de 1346 para 1091 unidades. Os dados foram apresentados para associados da entidade na noite de 19 de novembro, no Restaurante Sapore & Piacere i Altri, em Bento Gonçalves.

No total participaram da pesquisa 61 empresas que totalizaram 122 empreendimentos residenciais com áreas superiores a 500 m². Das 1266 unidades, 692 são de imóveis com dois dormitórios, seguido por 256 com três dormitórios, 212 com um dormitório, 45 para JK/flats e cinco com quatro dormitórios. A maior parte das unidades novas em oferta para a venda está em construção, totalizando 60,51%, enquanto que na planta são 27,80% e concluídos representam 11,69%.

Dos imóveis vendidos 51,4% têm valor venal que varia de R$ 100 a R$ 145 mil e 6,3% é de R$ 80 a R$ 100 mil, o que demonstra a continuidade da política habitacional vinculado principalmente ao programa Minha Casa, Minha Vida. No ano anterior o percentual era de 43,7%. A pesquisa aponta, ainda, que o maior número de imóveis foi vendido no bairro Humaitá: 79 unidades comercializadas com uma oferta de 256 imóveis o que representa uma velocidade de venda de 23,6%/ano.

Para Rafael Panazzolo, coordenador da pesquisa, os números demonstram que o setor imobiliário de Bento Gonçalves, apesar da pequena retração nas vendas, continua tendo uma oferta equilibrada com a demanda. “Em relação ao ano anterior o estoque de imóveis aumentou 6,3%, o que em boa parte foi reflexo do aumento de 7,5% no número de lançamentos”, argumenta.

De acordo com o presidente da Ascon Vinhedos, Diego Panazzolo, é importante salientar que os números são compatíveis com a atual situação econômica do país e com a realidade da cidade. “O número de lançamentos comparado com o número de unidades vendidas mostra que há mercado para o que é lançado e esse aumento do número de lançamentos demonstra que o setor acredita em uma retomada na economia e nos negócios para 2016”, enfatiza.

A pesquisa levantou, por meio de informações retiradas de relatórios fornecidos pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano (Ipurb), além de contato direto com os construtores e incorporadores, a disponibilidade de imóveis novos na cidade, considerando: tipos de unidades, área média, faixas de valor, características dos imóveis, fontes de recursos para a construção e o estágio das obras em comercialização. Obras industriais não entram no diagnóstico. O Censo Imobiliário de Bento Gonçalves 2015 está disponível no site www.asconvinhedos.com.br.
Setembro/2021XXXXX 943,736XXXXX 0,56XXXXX 11,99XXXXX 16,37XXXXX

Patrocinadores


Apoiadores

Índice INCC-M

Setembro/2021 - N° Índice: 943,736

0,56

no mês

11,99

no ano

16,37

12 meses